• Maycow Moura

    Parabéns Gustavo, os artigos estão indo certeiros nas principais dúvidas! Uma coisa q na minha opinião é um dos principais fatores para as pessoas manterem suas ideias em segredo, é ser “roubado” por alguém q realmente tenha mais condições de coloca-la em prática, seja uma pessoa com mais $$ pra investir ou conhecimento na área. Por exemplo, você quer criar um site para um serviço e n entende nada de programação. Se sua ideia for boa e “cair nas mãos” de um programador web, ele já estará com muito mais chances q vc de produzir o tal site, e por ai vai (claro q encontrar alguém q realmente acredite e tenha essa força de vontade é difícil, e a pessoa pode n fazer como vc faria, como você disse). E, se por exemplo, a sua ideia for para um novo tipo de produto ou serviço. O “ladrão” n poderia patenteá-lo antes de você? (essa é uma dúvida msm, n entendo nada sobre patentes). Resumindo, acho q vc deve sim contar sua ideia, mas com cuidado pra n “dizer tudo” e dar “a faca e o queijo” na mão de alguém, ou pior, dar “a faca” para alguém q já tem o “queijo”. O q acha?

    • http://www.arsenalempreendedor.com Gustavo Gubert

      Obrigado Maycow!

      O que disse faz sentido sim.

      Mas no caso do programador, por exemplo, ele pode ter mais chances de produzir o site, mas o site é apenas uma pequena parcela do negócio. É o mesmo que abrir um restaurante mas não contratar funcionários, não servir as refeições e não atrair os clientes.

      No caso de algum produto que você possa patentear, se outra pessoa fizer isso antes e você ainda estiver apenas na ideia, acredito que ele tenha sim o direito sobre a patente.

      Por isso se você identificar uma ideia que é na verdade uma oportunidade de negócio é importante não ficar apenas na ideia e seguir adiante!

      Abraços!

  • Leandro Souza

    Olá, Gustavo!

    O seu artigo ficou bem bacana – e bastante motivador -. Acabou por me encorajar a participar do próximo Startup Weekend (em 30/01/2015), pois eu estava com medo. Você me fez ver que a minha ideia não vale nada, que o que vale mesmo é execução do negócio. E, por experiência própria, acho que colocar um negócio em prática sozinho é osso!

    • http://www.arsenalempreendedor.com Gustavo Gubert

      Fala Leandro, muito bom saber que o artigo te encorajou!

      Boa sorte no Startup Weekend e, caso precise de alguma coisa como mentoria ou desenvolver seu MVP, é só falar comigo!

      Abraços!